Livros e Filmes

Elon Musk: livro, formação, biografia e empreendedorismo

Imagem de destaque do post Elon Musk: livro, formação, biografia e empreendedorismo

Quer saber tudo sobre o livro do Elon Musk? Aqui, reunimos os principais insights sobre a biografia de um dos maiores empreendedores do século 21. Confira!

Com uma fortuna que ultrapassa os 20 bilhões de dólares, Elon Musk foi classificado pela Forbes como a 43ª pessoa mais rica do mundo.

Além de ser empreendedor, Musk também é filantropo e visionário sul-africano-canadense-americano e CEO da Tesla, CEO e CTO da SpaceX, vice-presidente da OpenAI, co-fundador e presidente da SolarCity e fundador e CEO da Neuralink.

Elon Musk: livro conta trajetória do empreendedor

No livro que conta a história de Elon Musk, o empresário é definido como o mais ousado empreendedor dos tempos atuais, pois Ashlee Vance, o autor, faz questão de dizer que ele é uma mistura de Henry Ford, Thomas Edison, Steve Jobs e Howard Hughes.

Hoje, ele é o homem que está atrás dos carros esportivos elétricos mais cobiçados em todo mundo por meio de sua empresa Tesla Motors, das baterias e painéis de energia solar que são produzidos pela SolarCity e dos foguetes espaciais da SpaceX que foram construídos de forma muita barata do que qualquer versão que já foi lançada pelas agências governamentais. A colonização de Marte está entre as metas do empreendedor.

No livro de Elon Musk, o autor - que é um experiente jornalista - traz um olhar diferenciado tanto sobre a vida quanto pelas realizações classificadas como inacreditáveis do homem que é o mais audacioso do Vale do Silício.

O livro de Elon Musk foi escrito tendo como base 50 horas de conversa com o personagem principal e mais de 300 pessoas que têm relação direta com Musk foram entrevistadas. A função de Vance é investigar de forma detalhista a trajetória que muitas vezes é classificada como instável e controversa tanto das empresas de Musk quanto dele mesmo.

Afinal, o autor do livro trabalha com um personagem complexo que veio trazer renovação completa nas indústrias, devido ao emprego de inovações que impactaram o mundo político e econômico e há quem diga que esse é o futuro para a conquista do progresso por meio dos negócios visionários.

Quais os principais ensinamentos da biografia do Elon Musk?

No livro sobre Elon Musk, o autor da obra traz que nem todas as pessoas podem abrir um negócio, porque as pessoas precisam ter uma tolerância alta à dor.

Isso, porque no começo as pessoas estão otimistas e que tudo vai bem, porém conforme o tempo passa, o nível de felicidade será reduzido e a pessoa que quer empreender começa a sofrer e mesmo que ela atinja o sucesso, ele não será sempre constante.

Sem falar que se você é CEO ou fundador, será preciso aprender coisas que a pessoa não vai querer, mas isso pode impactar no sucesso da sua empresa. Sendo assim, quem não gosta de coisas difíceis, o melhor é nem tentar!

A busca por críticas também é mais um ensinamento que o livro traz. Segundo ele, uma crítica - desde que seja bem produzida independentemente do que você esteja fazendo deve ser considerada como ouro - e o empreendedor deve buscar a crítica, ainda mais se ela for feita por um amigo.

De fato, as pessoas não gostam de mudar, porém a mudança é necessária, pois a outra alternativa é o desastre. Para conquistar o sucesso ou o fracasso, será preciso recorrer a bons feedbacks.

Diante das críticas, é fundamental ter ideias fortes fracamente mantidas. Aqueles que tem ideias fortes precisam ter domínio sobre o tema e tudo o que está a redor dele. A pessoa precisa ter uma visão firme para manter o alvo, mas sempre estando disposta a busca por uma adaptação das novas informações e das ideias conforme elas aparecem.

Quem é Elon Musk como empreendedor?

Elon Musk como empreendedor é alguém que teve como foco o desenvolvimento de um produto que fizesse como que as pessoas quisessem comprar e o que ele ensina é que um ótimo produto não é algo que é um pouco melhor do que aquele que já está no mercado ou que as pessoas já têm. Afinal, para ele o produto precisa ser muito melhor!

O empreendedor ainda tem como característica a capacidade de controlar. Segundo ele, o ato de depender de fornecedores no mercado tende a bloquear o seu sucesso. Exemplo: Elon Musk trabalha com foguetes e o fato de depender de um fornecedor indica que esse fornecedor é responsável pelo seu destino.

No entanto, Musk prefere ter muitos fornecedores ou que ele seja o responsável por fazer todos os equipamentos dos seus produtos, pois ao comprar componentes de fornecedores chamados de tradicionais da indústria, os preços são considerados altos demais.

Elon Musk é alguém que trabalha 15 horas por dia e dorme apenas seis horas por noite. Ele diz que a pessoa precisa trabalhar entre 80 e 100 horas por semana, todas as semanas, pois isso é o que fará com que seu sucesso aumente.

Enquanto os outros trabalham 40 horas, você precisa trabalhar 80 ou até 100 horas, porque mesmo que as pessoas estejam fazendo a mesma coisa, você conseguirá o seu objetivo em quatro meses enquanto que os outros levarão um ano para conseguir.

Elon Musk é classificado como um fundador do tipo missionário. Bem diferente do modelo mercenário, pois sua motivação está no fato de que suas empresas podem trazer um impacto significativo ao mundo.

Pontos fortes e fracos de Elon Musk que todos empreendedores devem conhecer

Boa parte das empresas querem o lucro fácil ao risco da aposta no desenvolvimento de tecnologias que são classificadas como radicais e novas, porém como ponto forte, Elon Musk tem o dinamismo e a visão que são imprescindíveis para comandar e, ainda, revolucionar suas três empresas ao mesmo tempo.

Para ele, a falha é essencial, pois é por meio dela que será possível conquistar informações suficientes para inovar. Um sistema que não apresenta falhas não tem como progredir. Ele não acredita nos processos. Quando um funcionário que apresenta potencial diz pra ele que o processo é tudo, Elon Musk enxerga tudo como um mau sinal.

Muitos acham que os processos vieram para substituir o pensamento, pois o que as empresas querem é que você se comporte como uma peça pequena no interior de uma máquina difícil de ser operada e isso impede que as pessoas sejam criativas e inteligentes.  

 

Mais de Livros e Filmes

Ver mais