Dicas Práticas

Personal branding: o que é e como construir o seu

Imagem de destaque do post Personal branding: o que é e como construir o seu

O personal branding é uma estratégia essencial aos empreendedores. Mas como construir uma marca pessoal forte e bem consolidada? Confira aqui!

Já parou em algum momento pra pensar no seu personal branding?

Não? Você acha que personal branding na verdade não passa de autopromoção? Infelizmente, essa sua ideia está equivocada e vamos te mostrar como o personal branding pode te ajudar ao longo deste texto, por isso continue a leitura e mude o seu olhar!

Personal branding: o que significa?

De forma simples, personal branding consiste na gestão da sua marca. Não estamos falando da marca da sua empresa, mas da sua marca pessoal. Com o personal branding o profissional se coloca no mercado de uma maneira que o público enxerga o que ele está oferecendo.

Um freelancer, por exemplo, é alguém que precisa muito trabalhar o seu personal branding, pois caso contrário, não obterá sucesso.

De fato, todos nós temos uma marca e ela fica evidente quando expressamos nossa opinião quando fazemos publicações nas redes sociais, porque querendo ou não acabamos julgando os demais que estão ao nosso redor e no momento em que postamos algo, as pessoas vão conhecendo mais a respeito de nós.

No entanto, quando falamos em personal branding, estamos dizendo que você pode escolher o rótulo que você quer ter. Acha impossível? Então, continue lendo esse artigo!

Qual é a importância do branding pessoal?

Você sabe que quando precisamos de uma recomendação e/ou opinião, nós recorremos a pessoas e não a marcas, concorda? Pense nesse exemplo simples: você vai comprar um produto em um determinado site, mas você não tem muito conhecimento sobre aquela empresa e aí, o que você faz? Simples, rola a barra para ler os comentários que as pessoas deixaram, certo?

O que você quer na verdade é ver a opinião delas e nem sempre essas pessoas são conhecidas, mas você confia nelas, porque elas estão emitindo uma opinião!

Ter um personal branding é fundamental - principalmente em tempos em que a mudança de algoritmos nas redes sociais tem sido constante e as páginas das empresas tem perdido espaço e o que tem ganho destaque são as páginas pessoais, pois as pessoas estão propensas a interagir com pessoas e não com empresas.

A gestão de marca pessoal não tem relação como você faz a gestão de suas redes sociais, nem com autopromoção. Personal branding é uma ferramenta que te ajuda a ser mais relevante no mercado, a ser diferente e a ter conexão com o seu público-alvo de forma humana e autêntica e como consequência, sua rede de contatos vai crescer.

O reconhecimento e a visibilidade não virão de uma hora pra outra como ficam evidenciados pelos comentários e likes em uma fanpage, mas com o aumento do número de visualizações e comentários.

Personal branding na internet: aposte nas redes sociais!

A aposta nas redes sociais deve ser norteada pelo prazer em fazer, porque muitas pessoas criam um perfil no calor do momento ou por estarem curiosas e fazem uso delas, mas com o passar do tempo vão perdendo o interesse.

Isso ocorre, porque cada uma delas tem um perfil. No Instagram, a aposta está no compartilhamento de imagens. Então, se você não gosta de fotos, nada feito. Faça as ações de forma prazerosa e não por ter que fazer.

O Linkedin pode ser muito útil para aqueles que gostam de compartilhar e escrever sobre o seu trabalho, dar opiniões sobre o mercado de trabalho e muitas outras coisas. É possível ainda apostar em plataformas que de possibilitem escrever sobre o seu segmento de trabalho ou coisas que se interessem.

Criar um blog também é uma opção muito viável, mas para que ele tenha sucesso, será preciso escrever pelo menos dois textos por semana.

Top 5 estratégias de personal branding

Agora, vamos dar dicas simples para aqueles que querem construir sua marca pessoal, mas não se assuste, pois elas são bem simples!
  • Tenha os seus objetivos claros
Quem quer desenvolver seu personal branding precisa prioritariamente definir porque quer ser lembrado, por quem você quer ser lembrado e quem é a sua persona. Ao responder esses questionamentos, você começará a estabelecer uma ideia clara do que precisa fazer para expor sua marca de forma que as pessoas se lembrem de você.
  • Storytelling: crie um bom!
Não conte uma história por contar, mas viva essa história. Seja sempre verdadeiro, pois trabalhar uma marca sob algo que não é verdade com o passar do tempo tende a se quebrar. Nada de mentiras, ok? Porque assim como a internet projeta os falsos moralistas, ela também os destrói.

O objetivo de contar a história não tem a ver com autopromoção, mas com agregar valor para a sua audiência, pois assim será possível ensinar algo novo para essas pessoas e como resultado, elas tendem a se identificar com você!

  • Esteja presente em uma rede social - pelo menos!
O foco em apenas uma rede social é importante e necessária, pois de nada adiantaria “marcar presença em todas” se você só faz uso delas de forma esporádica. Os redatores podem escolher o LinkedIn, porque o foco será no seu conteúdo e não na sua imagem, então o que será interessante na verdade é sua exposição intelectual e não imagética.

O Instagram é o queridinho do momento e se comparado ao LinkeIn, tem o poder de atingir mais pessoas. No entanto, o foco dessa rede social está no visual e dinâmico, por isso nesse caso, sua missão será cativar o público por meio da sua presença nos stories.

O Facebook não seja enquadra nem no compartilhamento de conteúdos e nem na publicação de imagens, por isso, o melhor é usá-lo para compartilhar suas atualizações nas outras redes sociais.

  • Tenha o seu próprio site
Uma das melhores formas de incluir seu nome nos mecanismos de busca é tendo um site. Aposte em algo simples com duas ou três páginas onde estará o seu currículo. Mantenha-o conectado as redes sociais e escreva uma biografia breve.
  • Procure conexão com marcas fortes
O que vai determinar sua força são suas conexões, por isso procure não só localizar como ter conexão com marcas fortes, porque isso vai te ajudar a fortalecer e elevar o seu personal branding.

 

Mais de Dicas Práticas

Ver mais